4

Mudei! E agora, como organizar a vida nos EUA?

A aventura começou!

Começar do zero em um novo país pode ser um grande desafio! Cada caso é um caso, sem dúvida, mas aqui vou falar um pouco sobre como fizemos para organizar a vida nos EUA.

Com muitas coisas para resolver, é natural a ansiedade querer tomar conta da situação e atrapalhar até o sonho. Não deixe que isto aconteça! Como NÃO há mágica, tem que dar um passo de cada vez.

Anote num papel, ou como eu faço, no celular, a lista de coisas a fazer, em ordem. E vá ticando conforme vai terminando.

É básico, mas as vezes a gente se atropela…

Lembre-se: se você está aqui é porque deve ter pensado bem e avaliado as consequências desta mudança em sua vida. Agora, é agir e fazer dar certo!

Eu diria que o mais importante nesta hora, em termos de postura, é ter HUMILDADE para aprender e ser DESPACHADO(A) para explorar todas as possibilidades, sem vergonha por talvez estar perguntando algo básico, ou de forma errada.

Pergunte mais

Muitas vezes, eu começava uma conversa (com um sorriso no rosto) dizendo que tinha mudado há pouco para cá, que tudo era muito diferente do meu país de origem e, por isso, estava fazendo perguntas tão óbvias. Aproveitava para agradecer pela paciência. Isto parecia abrir uma porta de empatia, as pessoas se desarmavam e faziam de tudo para ajudar.

É claro que vai depender de onde você está. Assim como no Brasil, as diferenças entre regiões são perceptíveis. Em algumas, as pessoas são mais frias e até ríspidas, em outras são mais abertas e hospitaleiras.

Agora, ser humilde não quer dizer ser “bobo”. Cuidado! Sempre há os espertos, que podem querer tirar proveito. Por isso, não acredite em tudo o que disserem, questione e busque se informar com mais de uma fonte.

Então, vamos lá.


# Social Security Number (SSN)


Se no seu processo de visto (de trabalho, residência ou outro) já não tiver sido solicitado um Social Security, você deve fazê-lo o quanto antes.

O Social é um número único para cada pessoa, designado pelo governo dos EUA, para manter registro da sua renda e possivelmente dos benefícios que possa ter direito a receber. É também muito utilizado por bancos, escolas, empregadores. É super importante! E como leva algumas semanas para ser enviado para seu endereço, sugiro que dê entrada na solicitação o quanto antes.

Para mais informações busque:

SSA (Social Security Administration)
www.socialsecurity.gov
www.segurosocial.gov/espanol  (em espanhol)

# No. de Telefone Americano


Foi nosso primeiro passo. Com uma conta de telefone daqui, já se tem como provar residência (o contrato de aluguel é outra forma) e isto facilita a dar alguns passos importantes como tirar carteira de motorista, abrir conta em banco.

AT&T e T-Mobile são duas grandes operadoras. Pesquise online ou vá a uma loja (estão espalhadas por todo lado), e veja qual a melhor opção para você.

Já alerto que para uma linha pós-paga, eles vão provavelmente cobrar uma caução (chamada “Deposit”), já que quem é novo no país não tem como provar que é bom pagador. Nós, por exemplo, tivemos que pagar $500.00 de caução por cada linha.

Telefone antigo

Outro detalhe, aqui é muito comum não se ter mais telefone fixo em casa. Ninguém acha estranho ao pedir para preencher uma ficha cadastral se você só informar o celular.

Saimos da operadora e fomos direto ao banco.

 


# Conta bancária


Incrível como é simples abrir conta!

Minha dica aqui é que você pense nas suas necessidades. Se gosta / precisa usar caixa 24 Horas (aqui chamados ATM), procure um banco grande com uma rede bem espalhada de agências e máquinas.

Ou se gosta de usar serviços online, veja como são os apps e sites. Isto pode fazer uma grande diferença no dia-a-dia.

Wells Fargo, Bank of America e Chase são exemplos, mas sugiro que faça sua pesquisa. Fale com conhecidos.

As exigências de documentação variam de banco para banco, mas você provavelmente vai precisar apresentar uma identificação (que pode ser seu passaporte) e um comprovante de endereços.

O processo é rápido e você já sai com cartão de débito, cheques avulsos e, se quiser, cartão de crédito.

Saindo do banco, você pode querer refletir sobre se sua cidade tem transporte público fácil. Ou se…


# Será necessário comprar um carro?


Metrô em Nova Iorque

Se você vai morar em um grande centro urbano como NYC ou Washington, é provável que não seja necessário comprar um carro porque o serviço de transporte público é bom o suficiente.

Mas se não for este o caso, a tendência é que para se locomover você precisará, sim, comprar um carro.

Primeiro você terá que decidir entre um novo e usado, o que vai depender muito do seu orçamento.

Quando você for resolver este quesito, sugiro já ir sabendo o que quer (marca, modelo, ano, milhagem), pois se deixar tudo muito em aberto, os vendedores normalmente vão tentar vender o que lhes der maior lucro. Muito cuidado com o que eles dizem. Seja você o comandante da conversa e seja firme.

Na maior parte das vezes, estes vendedores vão fazer joguinhos e tentar vencer pelo cansaço.

Para mim, este foi, sem dúvida alguma, o passo mais difícil e cansativo dentre os listados aqui.

Reserve um dia inteiro para resolver este assunto, e vá com muita paciência. Com isso, você vai conseguir sair satisfeito com o resultado.

O link abaixo é do governo dos EUA e dá dicas par a compra de carros. Dê uma olhada:

usa.gov/buy-a-car

Como chegamos no período de férias, pudemos resolver a questão do carro antes do colégio das crianças. Mas se não fosse este o caso, possivelmente, teríamos que ter invertido a ordem das coisas.

 

# Onde seus filhos vão estudar?


Escola

Se você tem filhos e eles vão frequentar escolas públicas, então você deve primeiro pesquisar as escolas da região e ver quais são as de sua preferência. Só depois você deve procurar o imóvel para morar.

Aqui nos Estados Unidos, as escolas públicas são feitas para atender as crianças / adolescentes da área em que elas são construídas. Portanto, se você escolhe primeiro onde morar, sem olhar para as escolas alí disponíveis, corre o risco de ver seus filhos frequentando escolas não tão bem conceituadas.


“A educação é a ferramenta mais poderosa que podemos usar para mudar o mundo.”
– Nelson Mandela

Mas e se não houver mais vaga no colégio?, você pode perguntar.

Não se preocupe. Aqui, o direito à educação  é levado muito à serio. Se não houver salas de aula suficientes e não der tempo de construir novas até o início do próximo ano letivo, eles colocam salas muito bem adaptadas, em estruturas como containers (mas com ar condicionado e aquecimento).

Sempre haverá vaga. Não se preocupe.

Sites como GreatSchools.org e SchoolDigger.com nos ajudaram muito nesta pesquisa de escolas.

Depois que escolher a escola e definir onde vai morar, pesquise como é o sistema de matrícula. Em alguns lugares é diretamente na escola, em outras regiões é centralizado por condado. Esta informação deve ser fácil de encontrar no site do colégio.

Procure por “Enroll your child” ou “Enrollment” ou ainda, “New Students“. À partir daí você vai obter a lista de documentos necessários e vacinas obrigatórias.

 

# Onde morar?


Casa

Ao chegar, é comum ficar uns dias na casa de familiares ou amigos. Só o tempo necessário para colocar os pés no chão e se organizar, pois ninguém quer exagerar na dose e atrapalhar a vida de quem nos é querido, certo?

Outra possibilidade, além de hotel – que pode ficar caro dependendo do tempo e das disponibilidades financeiras – é o AirBnb. Nós somos fãs!  Se você não ouviu falar, é uma forma de alugar imóveis por pequenos períodos pagando preços justos. Antes de fechar o aluguel, você tem como ver fotos do lugar, mapa da região, ler as avaliações de hóspedes anteriores e conversar com o proprietário ou administrador do imóvel.

Nós já alugamos desta forma diversas vezes, em diversos locais (e países), e sempre deu muito certo. Recomendo! Esta pode ser uma forma de você ganhar uns dias antes de determinar onde vai morar definitivamente.

www.airbnb.com

Entre comprar um imóvel logo de cara ou alugar, existem várias ponderações a serem feitas. Mas no início, o que a grande maioria faz é alugar. Então vou me ater a esta possibilidade.

O primeiro passo é encontrar a casa / apartamento de sua preferência.

A Procura:

Placa de Aluga-se

 

I)Uma forma de buscar é observar as placas de “FOR RENT” fixadas na frente das casas, condomínios, prédios. Às vezes elas aparecem nas esquinas das ruas e indicam com uma seta a direção do imóvel.
Fazemos muito isso, quando pensamos em nos mudar, entramos no carro e vamos dar umas voltas na área em que temos interesse. Se virmos algo que chame nossa atenção, fazemos contato através do telefone que invariavelmente estará à mostra.

II) Outra forma é contatar um agente imobiliário da região.

Busque no Google:

“Realtors “

III) Existem aplicativos sensacionais para quem está procurando imóveis. Inclusive, isto é algo que se pode fazer ainda do Brasil, antes da mudança. Desta forma, já se fica sabendo o que está no mercado, qual a média de preço etc etc

Os 3 que mais usamos são: Zillow, Realtor, e Trulia. Este último, inclusive, fornece informações sobre o índice de criminalidade na região da casa pesquisada, os restaurantes e lojas próximas.

O Aluguel:

Termos importantes para saber:

  • Locador =  Landloard
  • Contrato de aluguel = Lease
  • Caução = Deposit

Quando você gostar de um imóvel, vai provavelmente ter que preencher uma ficha com suas informações para serem analisadas pelo locador. Algumas vezes isto é feito online e tem uma taxa para pagar. Nada muito caro.

Por ser novo no país, seu Credit Score (Pontuação de crédito que varia com o tempo e sua habilidade de pagamento das suas obrigações) será baixo. A tendência é que o locador peça uma caução e/ou um co-signer (um tipo de avalista).

A caução é normalmente igual a um mês de aluguel, e só é devolvida ao término do contrato. Se houver necessidade de algum conserto ou limpeza no local, o locador descontará da caução e devolverá apenas a diferença.

Importante aqui é ler com atenção o contrato. O que vale é o que está escrito, não deixe nada apenas de boca.

Contrato

Então veja o que está escrito sobre as obrigações, quem paga por água, gás, energia, coleta de lixo, manutenção de jardim.

Se for por sua conta, pergunte para o “landlord” quem são as empresas fornecedoras destes serviços. Em alguns casos, a própria cidade fornece (é o nosso caso, em termos de água), mas podem ser instituições particulares.

Outra forma de se informar é conversando com os vizinhos.

Mas se não quiser bater na porta de ninguém para perguntar sobre isso, você pode acessar:

www.InMyArea.com

Ou faça buscas no Google, como:

“water provider in <sua cidade>”

“electricity provider in <sua cidade>”

“gas provider in <sua cidade> “

“trash disposal in <sua cidade>” ou “waste disposal in <sua cidade>”

Você pode ainda acessar o site da sua cidade e/ou do condado e buscar por “Utilities”

Através de alguma destas pesquisas, tenho certeza de que conseguirá descobrir os melhores prestadores de serviços para a sua área.

Fique atento porque pode haver mais de uma empresa para o mesmo serviço. Avalie preços, busque por Reviews e tome a sua decisão.

DICA: Aqui é muito forte a cultura de avaliar (bem ou mal) determinado serviço, produto, estabelecimento, para que os próximos clientes saibam o que vão encontrar. Antes de contratar qualquer empresa, busque no Google:
“<nome da empresa> reviews”

Mais uma vez, por conta do baixo Credit Score, é provável que algumas destas empresas vão lhe cobrar uma caução para iniciar a prestação de serviços.

A Mobília:

Dediquei um Post completo com dicas de onde comprar ou ganhar (isso mesmo, ganhar!) móveis, eletrodomésticos e tudo o que você vai precisar na casa nova. Veja AQUI.

A Manutenção:

A manutenção do imóvel é por conta do proprietário, então se um aparelho de ar condicionado ou uma máquina de lavar quebrar, ele tem a obrigação de providenciar o reparo ou substituição.

Conserto de máquina de lavar

Nota: é possível que o contrato estabeleça uma taxa básica, por conta do inquilino, para que os consertos sejam realizados, algo como uma franquia. De novo, veja o que está escrito!

Caso haja uma situação em que o administrador do imóvel (ou proprietário) não providencie o conserto, faça a reclamação por escrito. Não tendo resultado, entre em contato com o escritório local de Housing Office (ou Housing Authority). Eles deverão entrar no circuito e providenciar para que a situação se resolva.

Para encontrar na sua localidade, busque no Google:

“<nome da cidade> housing authority”

Rescisão de contrato:

Rescindir um contrato de aluguel é “Terminate your lease”. Veja o que diz o contrato antes de assiná-lo.

Pode ser que você precise pagar por todo o período contratado, mesmo que já tenha desocupado o imóvel.

DICA: Quando for se mudar, avise aos correios e todas as suas correspondências serão encaminhadas para o novo endereço, durante 1 ano. Isto pode ser feito rapidinho, online, e custa apenas $1.00 no cartão de crédito ou débito.

www.usps.com/umove

 

#Sugestões para o Dia-a-dia:


Lembre-se que este é um país com recursos e exigências diferentes do que há no Brasil.

Você vai descobrir aos poucos, com a vivência, mas umas dicas que considero importantes ou pelo menos interessantes:

* Já marque no seu calendário os FERIADOS NACIONAIS. Neles, a maioria das repartições federais e muitos negócios privados nem abrem. Note a organização! A maioria é puxada para uma 2a feira.
E como as férias aqui são tratadas dia-a-dia (e não em dias corridos como no Brasil), você pode programar de emendar com os feriados.

 

Feriados

* As Bibliotecas Públicas, diferentemente do que acontece no Brasil, são valorizadas. Elas são gratuitas e abertas a todos que quiserem pegar livros, DVD’s emprestados, ou usar computadores com internet.

Biblioteca

 

Pode ser uma excelente oportunidade para criar nos filhos o excelente hábito da leitura!
Para encontrar a biblioteca mais próxima, acesse:

nces.ed.gov

Ler livros é uma excelente forma de aprimorar o inglês. Se você ainda tem um nível bem iniciante, comece com os livros infantis. São ótimos!

Além disso, sugiro exercitar a escrita. É na prática que conseguimos obter os melhores aprendizados.

Eu escrevo muito e uso uma ferramenta sensacional que faz a revisão, sugere correções e me dá dicas de como aperfeiçoar o inglês. Indico porque gosto muito, e é de graça.

Veja aqui mais detalhes de como começar a usar e ainda receber um BÔNUS.

 

* Para encontrar todos os recursos do Governo Federal disponíveis para novos imigrantes, acesse:

www.welcometousa.gov

* Siga a lei sob todas as circunstâncias. Se for envolvido ou condenado por um crime, as consequências poderão ser tão sérias quanto:

Lei

1) Ser expulso dos EUA.

2) Ser proibido de retornar aos Estados Unidos, se tiver deixado o país.

3) Perder o direito de obter a cidadania no futuro.

Algumas infrações consideradas sérias, além dos óbvios (homicídio, tráfico, abuso sexual e fraude), incluem:

a) Ser considerado bêbado ou usuário de drogas habitual.

b) Ser casado com mais de uma pessoa ao mesmo tempo.

c) Fazer-se passar por cidadão americano.

d) Não apresentar declaração de imposto de renda, quando exigido.

e) Ajudar alguém a entrar ilegalmente nos Estados Unidos.

f) Não se registrar junto ao “Selective Service”, se for Residente Permanente (possuir o Green Card), do sexo masculino, com idade entre 18 e 26 anos. Veja que é obrigatório o registro, informar ao governo que está disponível, mas não é obrigatório servir às forças armadas. Escrevi sobre este assunto em detalhes neste POST.

 

Aperitivos

É claro que depois disso tudo, ainda haverá um “mundo” de coisas a serem providenciadas. Estas aqui foram apenas um aperitivo, o início de tudo.

Vá avançando um passo de cada vez, “saboreando” cada instante. Afinal, quantas pessoas podem se dar ao luxo de recomeçar e passar por tantos aprendizados em tão pouco tempo?

Eu encaro como um privilégio, que continua até hoje. E isso me faz um bem enorme!

Espero que com você seja assim também.

Adoraria saber um pouco sobre suas experiências, o que foi mais difícil, o mais fácil, que conselhos você daria aos que ainda vão chegar.

Use o espaço para comentários abaixo e vamos continuar a bater papo!

Abraços.

Eliane Lima

4 Comments

  1. Muito bom. Dicas importantíssimas para quem mudará radicalmente de vida, de forma objetiva e clara. Parabéns.

    • Muito obrigada, Romulo!
      O objetivo é ajudar mesmo.
      Acredito que quanto mais difundir as dicas que vão sendo postadas aqui no site, mais estarei retribuindo toda a ajuda que recebemos quando chegamos por aqui.
      É uma corrente de ajuda e colaboração.
      Abraços!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *